Desafio 1001 Filmes

Desafio 1001 Filmes: A Cor Púrpura

poster capa a cor púrpura

A gente tá que tá nesse Desafio de 1001 Filmes hein!? Rsrsrsrs…

Bem, quando na quarentena, bora quarentenar e maratonar filmes há muito tempo na fila para serem assistidos.

A escolha da vez foi essa maravilha chamada A Cor Púrpura (The Color Purple, 1985), do aclamado diretor Steven Spielberg (você o conhece por Jurassic Park, Indiana Jones, E.T., Tubarão e vários outros filmões, rsrsrsrs…).

O filme foi indicado à inúmeras categorias do Oscar, mas, infelizmente, não levou nenhum. Não que isso diminua seu mérito… Não senhor!

Resumo

poster a cor púrpuraGeorgia, 1909. Em uma pequena cidade Celie (Whoopi Goldberg), uma jovem com apenas 14 anos que foi violentada pelo pai, se torna mãe de duas crianças. Além de perder a capacidade de procriar, Celie imediatamente é separada dos filhos e da única pessoa no mundo que a ama, sua irmã, e é doada a “Mister” (Danny Glover), que a trata simultaneamente como escrava e companheira. Grande parte da brutalidade de Mister provêm por alimentar uma forte paixão por Shug Avery (Margaret Avery), uma sensual cantora de blues. Celie fica muito solitária e compartilha sua tristeza em cartas (a única forma de manter a sanidade em um mundo onde poucos a ouvem), primeiramente com Deus e depois com a irmã Nettie (Akosua Busia), missionária na África. Mas quando Shug, aliada à forte Sofia (Oprah Winfrey), esposa de Harpo (Willard E. Pugh), filho de Mister, entram na sua vida, Celie revela seu espírito brilhante, ganhando consciência do seu valor e das possibilidades que o mundo lhe oferece. Fonte: Adoro Cinema

Nossas impressões

O filme surpreende pela sensibilidade. Spielberg, fugindo totalmente do seu padrão artísticos, voltado à criar mundos de fantasia e aventura, conseguiu demonstrar todo seu potencial dramático nessa obra.

a cor purpura cena 1

Inspirado em um livro de mesmo nome da autora Alice Walker, há quem diz que o diretor optou por abrandar a história ao transcrevê-la para a telona. Nós não lemos o livro, mas se o filme foi “amenizado”, minha nossa!

O quanto eu chorei e o quanto João e eu ficamos vidrados na narrativa, não tem explicação.

Além de ser uma história muito tocante, vimos o primeiro trabalho de Whoppi Goldberg (que ficaria muito famosa depois, especialmente por Mudança de Hábito). Gente, ela é brilhante. A atuação dela e do Danny Glover (você deve conhecê-lo por Máquina Mortífera) estão impecáveis, despertando as melhores e piores sensações possíveis.

a cor purpura cena 2

O filme é MUITO lindo, encantador, bruto e profundo. Aquele tipo de obra que todo mundo deveria assistir, sabe?

a cor purpura cena 3

Trailer

Imagens: Reprodução/Google
Trailer: Youtube
Livro: 1001 Filmes Para Ver Antes de Morrer

rodape-autor-blog-novo-diana

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s