Da Série #Festivais

Rock in Rio 2019: Eu fui!

“O Rock in Rio é um festival de música idealizado pelo empresário brasileiro Roberto Medina pela primeira vez em 1985, sendo, desde sua criação, reconhecidamente, o maior festival musical do planeta. Foi originalmente organizado no Rio de Janeiro, de onde vem o nome. Tornou-se um evento de repercussão em nível mundial e, em 2004, teve a sua primeira edição fora do Brasil em Lisboa, Portugal.

Ao longo da sua história, o Rock in Rio teve 20 edições, oito no Brasil, oito em Portugal, três na Espanha e uma nos Estados Unidos. Em 2008, foi realizado pela primeira vez em dois locais diferentes, Lisboa e Madrid.

O festival é considerado o oitavo melhor do mundo pelo site especializado Festival Fling.” (Fonte: Wikipédia)

20190929_163112

Mas, e daí? Eu lá quero saber a história do Rock in Rio?

Calma, calma… achei interessante colocar esse resuminho aí sobre o festival apenas para contextualizar os desavisados. Daqui pra frente, vai ser uma surra das minhas impressões sobre o festival de 2019…

rock in rio 7

O preparo

Então, na verdade, não teve preparo algum… rsrsrsrs…

Sempre tive vontade de ir ao Rock in Rio, mas sempre achei impossível. Sabe como é!?

Até que, de repente, minha amiga Mirian me chama para ir assistir ao show do Bon Jovi com ela no festival. Assim, do nada. Ela sabe que amo Bon Jovi com todas as minhas forças e achou que seria icônico nós duas irmos, entrelaçadas, assistir ao show no Rock in Rio.

Inicialmente, fiquei apreensiva. Mas tendo as questões financeiras (parcelamentos, valores, etc.) definidos, tudo fluiu de uma forma quase mágica.

rock in rio 9

O Rock in Rio

Sem mais nhén nhén nhén e vamos falar do festival.

Fomos no 3º dia do festival – domingo, dia 29 de setembro. Nossa expectativa, claro, era ver o Bon Jovi, mas também estávamos ansiosas pelo Goo Goo Dolls (é muita nostalgia em um dia só, rsrsrs).

No dia 29, teve também no Palco Mundo, Ivete Sangalo (ainda tentando compreender, porque achei MUITO aleatório… enfim…) e Dave Matthews Band (muito bom, pena que não conhecia nenhuma música).

De início, a gente estava focada só nos shows mesmo, e cogitávamos chegar mais tarde. Massss… algo iluminou nossas mentes e optamos por chegar um pouco mais cedo, por volta das 16h.

E que bom que tomamos essa decisão!

rock in rio 8

Aprendizados…

A Cidade do Rock é enorme! Com estruturas gigantescas, diferentes ativações e palcos com atrações para todos os gostos. Algo de outro mundo!

Visitamos o Palco Carioca (que nos recebe, logo na entrada do Festival), a Gameplay Arena (para os nerds de plantão), o New Dance Order (para os amantes de música eletrônica), o Espaço Favela (bem de longe, porque estava lotado), o Rock District (com sucessos nacionais e estrangeiros, muito bom, da Rock Street Band) e a Rock Street Asia (mas só tiramos foto lá, não vimos nenhuma apresentação não).

20190929_181315
New Dance Order
rock in rio 1
Rock Street Asia
20190929_182904
Palco Favela (na foto está mais vazio, porque estava num intervalo entre as apresentações)

Ainda deixamos de fora o Highway Stage, o Palco Supernova, o Fuerza Bruta e a Nave. Também comemos mosca e não visitamos a Rota 85 nem o Espaço Natura, que tinha uma vista de matar do evento todo. Ah! E perdemos também a chance de ir aos brinquedos (era necessário agendar seu horário… como chegamos mais tarde, os agendamentos já tinha sido encerrados).

Mas é vivendo e aprendendo, né!?

Os shows

Agora, coisa linda foram os shows. Ô povo bom de serviço!

A gente optou por não assistir aos shows da Elza Soares e da Ivete, para podermos ver mais do evento. Depois, tentamos acompanhar a Iza no Palco Sunset, mas o som não estava lá muito bom e fomos acompanhá-lo pelos telões do Palco Mundo. Ela foi incrível, uma verdadeira diva. E junto com a Alcione, nossa, maravilhosas.

20190929_183506
Ivete Sangalo no Palco Mundo

Goo Goo Dolls

A seguir, esperamos o show do Goo Goo Dolls. Quando começou, quase morri de tanta excitação. Além do vocalista permanecer bonitão após os 50 anos (parabéns), eu conhecia e cantei junto muitas músicas. E o fechamento, com Iris, foi muito emocionante. Lindo mesmo e super nostálgico.

20190929_20282020190929_205721

Aproveitamos o intervalo do show para adquirimos nosso copo mára da Red Bull e para a parada estratégica de ida ao banheiro. Seria a última em muitas horas, por isso, extremamente necessária.

20190929_190538

Jessie J.

Quando retornamos ao Palco Mundo, acompanhamos o show da diva Jessie J, lá no Palco Sunset, pelos telões. E que presença de palco, que voz, que simpatia! Amamos demais! E foi um bom preparo para o Dave Matthews Band, que começaria a seguir no Palco Mundo.

20190929_221040
Jessie J. no telão do Palco Mundo (ela foi a atração principal do Palco Sunset)
Mirian e Diana na chuva Rock in Rio 2019
Choveu um pouquinho, para dar aquela refrescada…

Dave Matthews Band

Eu conheço pouco do Dave Matthews Band. Já vi o vocalista atuar em alguns filmes (Esposa de Mentirinha é um exemplo) e ouvi algumas músicas na série Parks and Recreation. Também escuto uma e outra música em playlists aleatórias no Spotify, mas nada concreto.

20190929_22285020190929_222845

Por isso, não aproveitei o quanto gostaria esse show. Eles são MUITO bons, o som impecável e todos simpáticos. Eles perceberam que a multidão não estava lá toda para eles e não forçaram a barra, apenas curtiram o momento. O que foi bem legal.

Deixar uma musiquinha deles aqui, caso você tenha curiosidade…

Bon Jovi

FINALMENTE a estrela da noite! Bon Jovi subiu ao palco, abrindo o show com This House is Not For Sale, single do disco lançado ano passado e cuja turnê passou por diferentes países e cidades.

20190930_003419

Depois, foi uma enxurrada de clássicos, animação e felicidade, por estar presenciando essa apresentação incrível.

Jon Bon Jovi é o carisma em pessoa. Tem o público nas mãos, canta, pula, dança e sensualiza (o homem sabe que é bonito, mesmo chegando à casa dos 60 – hoje ele tem 57 aninhos).

Estava meio da bad, porque não tinha Always no setlist pro show. Por isso, imagine minha surpresa ao retornar da 2ª paradinha estratégica, a banda começar a tocá-la. Foi ali, um dos momentos mais extraordinários da minha existência. Chorei feito um bebê, meu coração foi a mil e me senti plena e realizada (só de escrever isso aqui, meus olhos enchem de lágrimas novamente).

 

Foi PERFEITO! Definitivamente, o show mais fantástico que já fui, com uma energia vibrante (que não sei de onde vinha, porque estava todo mundo exausto).

rock in rio 5
Veja como estávamos durante Livin’ On A Prayer (última música do show)

O fim

Saímos após o fechamento do Palco Mundo, com o hino do Festival tocando acompanhado por fogos de artifício dançando no ritmo da música.

20190930_02362520190930_023544

Eram mais de 03h da madrugada…

Estávamos exauridas, esgotadas, doloridas, mas com uma felicidade que não cabia no peito. E com uma certeza: 2021 que nos aguarde. Pois voltaremos com certeza!

autora-diana

2 comentários em “Rock in Rio 2019: Eu fui!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s