Da Série #ManiacosPorSérie

Porque todos deveriam assistir Fleabag

Recentemente me deparei com uma delícia de série, indicada por uma ex-colega de trabalho muito queria.

Sabe aquele tipo de série que te surpreende da melhor forma possível? Pois é… Assim foi Fleabag para mim.

A série original da Amazon Prime Video tem um humor ácido, tipicamente britânico, e, se não te cativa logo de cara, vai te ganhando aos poucos com os passar dos episódios.

A série Fleabag

poster fleabagFleabag (Phoebe Waller-Bridge) é uma jovem adulta lidando com problemas quase universais sob o ponto de vista feminino: problemas de relacionamento, frustração sexual e profissional, conflitos familiares. Uma mulher moderna vivendo em Londres, ela está tentando curar uma ferida enquanto recusa ajuda daqueles à sua volta, mantendo seu perfil intimidante o mais intacto possível. (Fonte: Adoro Cinema)

Essa resenha, apesar de clara e objetiva, pouco contribui para as nuances da série criada e protagonizada por Phoebe Waller-Bridge. Apesar de parecer uma série de comédia debochada, traz diferentes reflexões.

Então, vamos lá…

Porque todos deveriam assistir Fleabag

Roteiro bem construído

fleabag cena 2

Os diálogos da série carregam uma carga emocional, presente em Fleabag e nos demais personagens.

Tudo está interligado, de alguma forma, à dores e medos profundos. Tudo é subliminar… até nas diretas de Fleabag, há subjetividade. Nunca é óbvio, o que demonstra um roteiro inteligente e bem construído.

Fora que, a história toda, é muito legal. Porque é comum. São coisas que podem acontecer com qualquer pessoa. Eles exploram a mediocridade do dia a dia mundano. O que gera uma identificação com tudo que acompanhamos na tela.

Uma personagem diferente e cativante

fleabag cena 3

Fleabag foge dos estereótipos.  Quando você “olha bem para ela”, ela não se destaca. Ela é gente como a gente, comum, sofrida, com minhocas na cabeça, sem saber direito o que tá acontecendo.

Ela carrega culpa, vergonha, medo, frustração… tudo que a gente carrega também. Rola uma identificação real.

E por que ela te cativa? Porque ela usa o humor ácido para disfarçar seu grito por ajuda e atenção. Ela é uma pessoa, apenas um ser humano complexo e cheio de imperfeições, que precisa encarar a vida e se encarar diariamente.

Quebra da quarta parede

“A quarta parede é uma parede imaginária situada na frente do palco do teatro, através da qual a plateia assiste passiva à ação do mundo encenado. A quebra da quarta parece refere-se a uma personagem dirigindo a sua atenção para a plateia, ou tomando conhecimento de que as personagens e ações não são reais.” (Fonte: Wikipédia)

fleabag cena 1

Isso acontece o tempo TODO em Fleabag. Desde o primeiro minuto do piloto até o último do series finale (falaremos disso mais para frente). Fleabag conversa conosco o tempo inteiro, nos reconhece como amigos.

Ela é narradora e personagem, ao mesmo tempo que aparenta ter consciência de terceiros acompanhando tudo aquilo.

Essa quebra se torna mais intensa na segunda temporada, quando outro personagem percebe essa interação de Fleabag conosco.

Sem enrolação

Fleabag já foi criada com início, meio e fim. O que é muito bom, uma vez que não “enrola” na história. Não há desvios, reinvenções ou desconstruções desnecessárias.

Mas é ruim, porque acaba rápido. Rsrsrs… E faz a gente pensar: uma série tão boa dessa acabando tão rápido, enquanto outras bem fraquinhas já estão na 15ª temporada. Não é justo. Rsrsrs…

Mas é o que é, e bola pra frente. Melhor aceitar, que dói menos. Rsrsrs…

É pequena

Pegando o ganho do item anterior, a série é bem curta. Eu chamaria de minissérie até…

Ambas as temporadas possuem apenas 6 episódios cada. E, cada episódio não ultrapassa a marca dos 35 minutos.

Apesar de curtos, são intensos e conseguem apresentar tudo o que precisa ser mostrado com inteligência e excelente aproveitamento do tempo.

Boas risadas

fleabag cena 4

Para fechar essa lista de motivos de porque todos deveriam assistir Fleabag falemos do humor.

Deboche, palavrões e vulgaridade permeiam todos os episódios e são características da nossa protagonista. Eles dão um toque de leveza quando o assunto começa a ficar pesado demais e, o mais importante, cria conexão.

Não se de vocês, mas gosto quando consigo me conectar com os personagens e suas histórias. O que estou vendo/lendo ganha outra relevância para mim.

Trailer

Bem, como disse antes, teoricamente, a série terminou na segunda temporada, bem redondinha. Massss… de acordo com o site Omelete, é interesse da Amazon Prime Video fazer uma 3ª temporada. Será mesmo?

Você pode ser a matéria completa clicando aqui.

Imagens: Reprodução/Google/Amazon Prime Video
Trailer: Reprodução/Youtube/Amazon Prime Video

autora-diana

 

 

Um comentário em “Porque todos deveriam assistir Fleabag

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s